De desempregado a microempresário: crie você mesmo a empresa onde gostaria de trabalhar! (Parte II)

Tempo de leitura: 5 minutos
Tema(s): Empreendedorismo
MEI: um grande passo para a formalização do freelancer

 MEI: um grande passo para a formalização do freelancer   Se você tem uma excelente qualificação, mas está sem crachá há um certo tempo, saiba que, além da carteira assinada, há muitos outros caminhos para você decolar profissionalmente. No artigo anterior, falamos sobre como uma pessoa desempregada pode se tornar um freelancer de sucesso. Se você ainda não leu, acesse: Parte I- Freelancer: o começo da jornada Relembrando um pouco a história que narramos no artigo anterior: Mariano trabalhava como analista de comunicação e marketing de um grande buffet infantil, mas depois de três anos, foi demitido. Sem conseguir um… leia mais

Continue lendo...

Até quando ser MEI é um bom negócio?

Tempo de leitura: 3 minutos
Tema(s): Alteração Contratual, MEI

O Micro Empreendedor Individual é uma opção para quem quer sair da informalidade e ter um CNPJ para começar seu negócio. A partir do cadastro você fica apto à emissão de notas fiscais (facultativo em alguns casos), pode abrir conta corrente da pessoa jurídica, contribuir para a previdência social e cobrar de seus clientes por meio de boletos bancário ou maquinetas de cartão de crédito e débito. Pode se inscrever no MEI: Quando o faturamento é até R$ 60 mil por ano (média de R$5 mil por mês); Quando a(s) atividade(s) a ser(em) desenvolvida(s) é(são) permitidas no MEI; Quando pretende… leia mais

Continue lendo...

Saiba as diferenças entre Lucro Presumido, Lucro Real, Simples Nacional e MEI

Tempo de leitura: 4 minutos
Tema(s): Abrir empresa, Contabilidade, Lucro Presumido, Simples Nacional

Lidar com Imposto de Renda e Tributação pode ser uma dor de cabeça. Abaixo você entenderá como funciona a tributação nacional para pessoas jurídicas, suas diferenciações e em qual categoria sua empresa se encaixa. Lucro Presumido O lucro presumido é uma maneira de tributação do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro (CSSL) de pessoas jurídicas, a partir da previsão do lucro possível a ser obtido no período anterior ao recolhimento. De maneira muito simplificada, isto significa que a partir de uma previsão de quanto será o lucro, calcula-se o valor do imposto cobrado que a empresa… leia mais

Continue lendo...