5 anos de Agilize. 5 anos da Contabilidade Online no Brasil

Tempo de leitura: 5 minutos
Tema(s): Contabilidade Online
contabilidade online

Estamos em festa!!

Nesse ano, a Agilize está comemorando 5 anos de existência.

E não só a Agilize, mas também a Contabilidade Online no Brasil.

Você não sabia??

Pois como está comprovado em seu cartão de CNPJ, que pode ser facilmente consultado no site da Receita Federal, a Agilize foi a empresa que criou a contabilidade online no país, no início de 2013, trazendo esse conceito para cá e abrindo as portas para esse mercado tão vasto e inovador.

contabilidade online

E para darmos início às comemorações dessa data tão especial, conversei com o nosso CEO e co-founder, Rafael Caribé, que me contou um pouco dessa história, as dificuldades enfrentadas, o que realmente significa contabilidade online e muito mais.

Você verá uma aula de empreendedorismo e determinação, que pode inspirar muitos outros empreendedores a criarem os seus próprios negócios e a não desistirem diante dos problemas que naturalmente vão aparecer.

Fernanda: Como surgiu a Agilize?

Rafael: Antes da Agilize existir, eu tinha uma empresa de desenvolvimento de sistemas, em Salvador. Como empresários, meu sócio e eu começamos a sentir algumas dores no serviço de contabilidade e começamos a enxergar oportunidades de inovação nessa área. Oportunidades de transformar a comunicação entre o contador e o cliente, tornando a linguagem contábil mais clara e transparente, através do uso da tecnologia. E assim, em 2012 começamos a conceber e a desenvolver a Agilize e em fevereiro de 2013 ela foi registrada.

Fernanda: Você é contador?

Rafael: Não, mas um dos meus sócios é contabilista há mais de 15 anos e é o responsável técnico da Agilize. Eu sou formado em Ciências da Computação. E justamente por ser dessa área, vi uma série de oportunidades de melhoria e de automação nos processos manuais da contabilidade. Afinal, o ser humano é um ser inteligente, tem que executar atividades de alto grau cognitivo.

E nós não apenas tínhamos ciência disso, como conhecimento para fazer essa mudança. E é o que estamos fazendo há 5 anos. O nosso objetivo é deixar o contador completamente livre para passar para o próximo nível: focar na realização de consultoria para as empresas.E estamos muito próximos de chegar nesse ponto.

Fernanda: Como você se tornou CEO da Agilize e o que representa liderar uma equipe como essa?

Rafael: É motivo de muita satisfação para mim. Eu não fui o primeiro CEO da Agilize, mas sou um dos fundadores. Participei do nascimento da empresa, colaborei com o desenvolvimento do sistema. Eu era desenvolvedor do software.

Por não ser da área de contabilidade, precisei estudar bastante para entender a fundo os processos contábeis e, assim, desenvolver o sistema. E quando entendi o mecanismo da contabilidade, me encantei. Mais do que isso, percebi que a gente estava criando uma inovação que era tudo o que eu sempre quis para a minha contabilidade.

Em 2016, assumi a liderança da Agilize, com a missão bem focada de transformar essa excelente ideia em um negócio brilhante e dei todo o sangue possível para colaborar com o crescimento da empresa.

E a empresa mudou de patamar, começou a dar certo. Eu e minha equipe dobramos as vendas e continuamos mantendo esse aumento a cada ano. E falo isso sem nenhuma soberba, mas sinto orgulho do que eu e meus sócios construímos.

Fernanda: O que mudou em sua vida a partir do momento em que começou a liderar a equipe? Tanto como profissional, como ser humano, que é responsável por outras pessoas que estão aqui dentro?

Rafael: Essa pergunta é muito engraçada, porque eu fiz Ciências da Computação por um motivo muito simples: sempre preferi trabalhar com códigos, ao invés de lidar com pessoas. Achava que elas costumavam complicar as coisas desnecessariamente. E para lidar com códigos, bastava sentar na frente do computador e trabalhar. O alcance disso, obviamente, é limitado, e foi o que percebi durante esse processo de amadurecimento.

Então ter que liderar essas pessoas, definir um ideal para que todo mundo sonhasse junto, mudou a minha vida, no melhor sentido. Hoje, como líder, acho o relacionamento interpessoal não só fundamental, mas também prazeroso e enriquecedor. Trabalhar com uma equipe que eu confio é crucial. As pessoas da minha confiança estão ocupando posições de liderança, e eu acho que isso faz parte do processo de gestão de uma empresa.

A partir do momento em que assumi como CEO, costumo dizer que além da computação, acabei me formando também em outra universidade, que foi a universidade da Agilize. Foi um árduo aprendizado, que construí conversando com outros empreendedores, com os investidores, fazendo curso no Sebrae, me capacitando bastante. Foi um período durante o qual muitas vezes coloquei a cabeça no travesseiro e não dormi, buscando entender o que estava acontecendo com a empresa.

Tudo isso me fez entender que o processo de gestão é outra forma de programar. Você deixa de programar com códigos para programar como a empresa vai dar certo, como medir a satisfação do cliente, como fornecer o produto que o cliente quer. Entendi que a programação é algo muito maior.

Fernanda: E o que mais você aprendeu na gestão da Agilize?

Rafael: A estabelecer mecanismos de controle e indicadores de desempenho. Esse foi outro trabalho muito importante que a gente fez aqui dentro, que eu aprendi com os investidores, que sempre cobravam: quais são os números da Agilize? Qual é a curva de crescimento da empresa? O processo de gestão passa por isso.

Fernanda: Como você define a contabilidade online?

Rafael: As pessoas entendem contabilidade online de uma forma equivocada. Online não é somente fazer um aplicativo. Não é deixar o cliente tratar apenas com um computador, com uma tela virtual. Online significa que você, empreendedor, vai garantir que tudo o que o cliente precisa está pronto e acessível para ele.

Se você faz um aplicativo e continua executando tudo no seu back office, no seu escritório, da forma como você executava antes, você não é online.

Então contabilidade online é prover e garantir para o cliente o que provemos hoje na Agilize. Um exemplo claríssimo é a previsão de impostos. O cliente emite uma nota fiscal e temos condições de dizer: “daqui a três meses, você vai pagar X de imposto”.

Isso é contabilidade online, é tempo real. Você está aqui, e ao mesmo tempo, já sabe como se planejar para o futuro. Temos um processo de automação que nos possibilita fazer isso.

Então defino contabilidade online dessa forma. E acredito que a Agilize tem propriedade para falar sobre o assunto. Afinal, fomos nós que criamos a contabilidade online no Brasil!

Fernanda: Para encerrar, qual é o diferencial da Agilize e como você vê a empresa no futuro?

Rafael: Acredito que o nosso diferencial é o atendimento humano. Atendemos hoje em todo o Brasil e buscamos ter um contato muito próximo do cliente, mesmo que por telefone.

E vejo a Agilize com um futuro brilhante. Temos um mercado potencial fantástico. Considerando somente as regiões onde atendemos, são quase um milhão de empresas existentes. E por lei, toda empresa no Brasil precisa contratar um serviço de contabilidade.

Continuamos desenvolvendo outras ferramentas úteis para ajudar a gestão do empresário. E trabalhamos para que a Agilize se torne o braço direito do herói, o nosso cliente.

Não queremos que o empresário veja a contabilidade como uma mera formalização das informações financeiras. Queremos ser uma ferramenta que possa ser utilizada para a tomada de decisões. “É boa ideia pegar um empréstimo?” “Vale a pena abrir uma sociedade?”.

Esse é o nosso maior objetivo, a nossa missão: ajudar esse heroico empreendedor a ter sucesso em sua empresa.

Vem pra Agilize!

Vem pra quem entende de contabilidade online!

Sobre o Autor

Conte-nos o que achou!